Domingo, 28 de Março de 2010

Gosto das belas coisas claras e sim­ples

 

Musica - Canção Simples

 

"Para quê alcançar os astros?! Para quê?! Para os desfo­lhar, por exemplo, como grandes flores de luz! Vê-los, vê-os toda a gente.

... Eu não peço à Vida nada que ela me não tivesse prometido, e detesto-a e desdenho-a porque não soube cumprir nem uma das suas promessas em que, ingenuamente, acreditei, porque me mentiu, porque me traiu sempre...

...gosto das belas coisas claras e sim­ples, das grandes ternuras perfeitas, das doces compreensões silenciosas, gosto de tudo, enfim, onde encontro um pouco de Beleza e de Verdade, de tudo menos do bípede humano, em geral, é claro, porque há ainda no mundo, graças a Deus, almas-astros onde eu gosto de me reflectir, almas de sinceri­dade e de pureza sobre as quais adoro debruçar a minha."

(Florbela Espanca, in "Correspondência", 1930)

 

 

(Mais uma vez uma trilogia: fotografia, texto e musica que no meu entender acho conseguida, mesmo fantástica. Sim, gosto das belas coisas claras e simples, mas também das belas e simples coisas. Gosta da Beleza, da Verdade, da ternura, da procura da perfeição. Gosto da Vida pela Vida. De viver a vida com velocidade e nos limites... adoro correr riscos e de sentir a adrenalina. Gosto do Sol, da Lua e das Estrelas. Gosto de pessoas e acredito que ainda há almas sinceras e puras e que vou tendo a sorte de reflectir, nas melhores das melhores, que vou encontrando ao longo da vida. Acredito que tudo na Vida é uma Questão de Tempo. E que Deus nós tira pessoas da Vida, mas nos coloca no seu lugar outras melhores, não para as substituir, mas para nos enriquecer. No entanto, tenho que dar a "mão à palmatória" e concordar com o que disse  Bob Marley: "Às vezes construímos sonhos em cima de grandes pessoas... O tempo passa... e descobrimos que grandes mesmo eram os sonhos e as pessoas pequenas demais para torná-los reais!"... E é tão verdade, não é?!...

Mas, voltando à foto. Ao olhar para ela, vejo como há coisas tão simples e tão belas. Quando o Sol e a água, têm o tempo suficiente para "se beijarem", conseguem atinguir a perfeição numa "coisa" de uma forma tão única e bela. E, é por isso que eu acredito que Viver pode ser simples, basta para tal que... enfim que... haja tempo e... e  se acredite... (Enfim, sou mesmo uma sonhadora...))

(Um Sorriso)

 

música: Tiago Bettencourt & Mantha - Canção Simples

publicado por SV às 12:45
Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.