Segunda-feira, 27 de Outubro de 2008

A determinação...

 

 

"A emoção e o sentimento conduzem ao prazer. A razão e a vontade propiciam a felicidade."

(Autor Desconhecido)

 

(A vontade, e a força de acreditar na VIDA...)

 

(Um Sorriso)

 

 

 

música: Poets of the Fall - Someone Special

publicado por SV às 19:08
| comentar
Segunda-feira, 13 de Outubro de 2008

Êxtase

 

 

"Minha alma tem o peso da luz. Tem o peso da música. Tem o peso da palavra nunca dita, prestes quem sabe a ser dita. Tem o peso de uma lembrança. Tem o peso de uma saudade. Tem o peso de um olhar. Pesa como pesa uma ausência. E a lágrima que não se chorou. Tem o imaterial peso da solidão no meio de outros."

(Clarice Lispector)

 

(O alcance de uma alma, é a dimensão do seu desejo. Momentos há, que só fazem sentido existirem, se, forem vividos numa sintonia perfeita de entrega entre: o corpo e a alma. O pensamento é como a alma, eterno - a acção, como o corpo, é mortal... Êxtase é decididamente um Remédio d'Alma.)

(Um Sorriso)

música: Muse - Bliss

publicado por SV às 23:12
| comentar | ver comentários (1)
Quarta-feira, 8 de Outubro de 2008

"O que há em mim é sobretudo cansaço"


O que há em mim é sobretudo cansaço
Não disto nem daquilo,
Nem sequer de tudo ou de nada:
Cansaço assim mesmo, ele mesmo,
Cansaço.

A subtileza das sensações inúteis,
As paixões violentas por coisa nenhuma,
Os amores intensos por o suposto alguém.
Essas coisas todas
Essas e o que faz falta nelas eternamente;
Tudo isso faz um cansaço,
Este cansaço,
Cansaço.

Há sem dúvida quem ame o infinito,
Há sem dúvida quem deseje o impossível,
Há sem dúvida quem não queira nada
Três tipos de idealistas, e eu nenhum deles:
Porque eu amo infinitamente o finito,
Porque eu desejo impossivelmente o possível,
Porque eu quero tudo, ou um pouco mais, se puder ser,
Ou até se não puder ser...

E o resultado?
Para eles a vida vivida ou sonhada,
Para eles o sonho sonhado ou vivido,
Para eles a média entre tudo e nada, isto é, isto...
Para mim só um grande, um profundo,
E, ah com que felicidade infecundo, cansaço,
Um supremíssimo cansaço.
Íssimo, íssimo. íssimo,
Cansaço...

(Álvaro de Campos)

 

(Obrigada a quem, num momento tão dificil para mim, me ofereceu este poema... D. Teresa mais uma vez a minha admiração e agradecimento por estar sempre, sempre, ao meu lado... Um Sorriso)

música: Sam Brown - Stop

publicado por SV às 22:17
| comentar | ver comentários (1)

Fotografar é...

...escrever com o coração e ler com a alma.

As horas...

Julho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
27
28
29
30

31


Links

Posts recentes

O Caminho da minha Impuls...

Amigo

Vale a pena lutar?

Sentes, Pensas e Sabes qu...

Destino, Acaso ou Coincid...

Precious

Oceano Nox - Um bramido

O Mar Agita-se, como um A...

O Sorriso

(para mim) Será Eterna...

Desde 04/05/2007:

Arquivos

Julho 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 2 seguidores